Atualidades

As universidades suíças são protagonistas em educação e pesq

As universidades suíças posicionaram-se excepcionalmente bem em várias classificações internacionais. O Instituto Federal Suíço de Tecnologia em Lausanne é um entre muitos: ele foi eleito como a melho

Utilizando 13 indicadores, a Classificação Times Higher Education (THE) avalia as 100 universidades de ponta a nível mundial, que estejam com menos de 50 anos. Juntamente à perspectiva internacional e o foco em pesquisa, as instituições educacionais são analisadas por citações, receita industrial e ensino. Pela primeira vez esse ano, o Instituto Federal Suíço de Tecnologia em Lausanne (EPFL) está liderando essa classificação internacional, seguido de quatro universidades jovens na Coreia do Sul (2 e 3), Hong Kong (4) e Singapura (5). Uma parte desse imenso sucesso pode ser devida ao alto grau do EPFL na visão internacional (98.8%) e os seus pontos de foco gerais em educação, pesquisa e transferência de tecnologia.

Quando o caso são os programas de Mestrado específicos do mundo todo, o Master of Arts em Estratégia e Gerenciamento Internacional da Universidade de St. Gallen tomou a ponta da Financial Times Ranking (Classificação do Financial Times)pela quinta vez consecutiva.

Ao lado do EPFL e da Universidade de St. Gallen, o Instituto Federal Suíço de Tecnologia em Zurique (ETH) é também um protagonista em educação e pesquisa entre competidores internacionais. De acordo com as QS World University Rankings 2015/16, a universidade suíça pertence às 10 melhores pela primeira vez na história, juntamente com a elite de universidades exclusiva Britânicas e dos EUA. Adicionalmente, o EPFL galgou 3 posições e está classificado em 14o lugar.

Para maiores informações sobre o Sistema excepcional de educação na Suíça, verifique, por favor, o nosso Manual para Investidores, no capítulo 12 «Educação e Pesquisa»..

Compartilhar

Conteúdo relacionado