Atualidades

NeoGenomics estabelece sua sede europeia na Suíça

A provedora de serviços de testes oncológicos baseada nos EUA escolheu o cantão de Vaud para abrir sua primeira subsidiária no exterior.

Laboratório biofarmacêutico
A Greater Geneva Bern area (GGBa) apoiou a NeoGenomics a se estabelecer na Suíça.

Com o apoio e a assistência da Greater Geneva Bern area (GGBa), a empresa NeoGenomics, baseada nos EUA, estabeleceu sua sede regional em Rolle, no cantão de Vaud. Com um volume de negócios de US$ 250 milhões em 2016, a multinacional listada no NASDAQ é uma importante empresa de serviços farmacêuticos para diagnósticos de câncer. Fundada na Flórida em 2001, emprega 1.000 funcionários nos Estados Unidos, e agora decidiu ingressar no mercado europeu.

Estima-se que o mercado global para testes clínicos na área de oncologia é de 2 a 3 bilhões de dólares. A Europa representa cerca de um quarto desse potencial. Por isso, foi importante para a NeoGenomics estabelecer-se no velho continente.

Aproveitando o pool de talentos locais

Para sua expansão na Europa, a NeoGenomics estava procurando um local perfeito do ponto de vista logístico, com acesso a um pool de talentos excepcionais. Localizada entre Lausanne e Genebra e nas proximidades de universidades prestigiadas, a cidade de Rolle atende a ambos requisitos. A multinacional contratará inicialmente 14 pessoas e planeja ampliar sua equipe para 50 funcionários, que serão contratados na região à medida que o negócio se desenvolve. “Não planejamos transferir expatriados dos EUA para morarem permanentemente na Suíça. Se precisarmos transferir gerentes ou pesquisadores da nossa sede, será apenas temporariamente para lançar as operações”, disse o CFO da empresa, George Cardoza, ao jornal suíço Le Temps.

Compartilhar

Conteúdo relacionado