Atualidades

Primeiro Fundo de Criptomoedas diversificado da Europa

O Crypto Fund AG sediado em Zug está lançando o Fundo de Criptomoedas, investindo nas mais importantes criptomoedas como Bitcoin, Ether e Ripple, além de outras criptomoedas bem estabelecidas. O Fundo Suíço será registrado na FINMA e incorporará o primeiro veículo de investimento diversificado de ativos digitais disponível a investidores profissionais.

Bitcoin dourado com cédula bancária
O Fundo de Criptomoedas será o primeiro fundo regulamentado globalmente no mundo das criptomoedas.

A equipe do Crypto Fund é liderada pelo especialista em criptomoedas, Jan Brzezek, que até recentemente trabalhava para o Presidente do UBS Asset Management e do UBS Group EMEA e também foi nomeado como Group Innovation Expert pelo UBS. A equipe é complementada por outros profissionais experientes em finanças e tem o apoio dos renomados empreendedores suíços: Dr. Tobias Reichmuth, CEO e fundador do bem-sucedido gestor de fundos de infraestrutura SUSI Partners AG, o qual se juntou ao Crypto Fund AG como investidor fundador e Presidente do Conselho. Junto do especialista e investidor em Fintech, Marc P. Bernegger, e profissionais experientes do setor bancário que em breve serão anunciados, eles apoiam o crescimento rápido do Crypto Fund AG.

Primeiro fundo regulamentado globalmente

Jan Brzezek, CEO do Crypto Fund AG, explica: “Nós reconhecemos a crescente demanda de investidores qualificados por uma via de acesso regulamentada e transparente para as criptomoedas e percebemos que precisávamos adotar esse novo fundamento em uma estrutura jurídica comprovada e reconhecida, permitindo que investidores qualificados invistam em criptomoedas. Ao contrário do Winkelvoss-ETF, que foi rejeitado pela SEC, nós usamos a estrutura de fundos suíços regulamentada e comprovada segundo o Swiss Collective Investment Schemes Act (KAG), onde o gestor de ativos, a empresa de gestão de fundos e o banco custodiante são juridicamente separados entre si. O fundo será altamente diversificado e não estará registrado em uma bolsa de valores e buscará exclusivamente investidores qualificados”.

Segundo Mr. Reichmuth: “Investidores privados e institucionais demonstram um grande interesse em criptomoedas como meio de armazenamento de valor deflacionário independente de bancos centrais. O acesso por meio de um veículo regulamentado, para execução e armazenamento seguro, era algo que até o momento não existia. O Cryptocurrency Fund™ será o primeiro fundo regulamentado globalmente que oferecerá um acesso seguro e simples ao crescente mundo das criptomoedas”.

Suíça oferece segurança e estabilidade para ativos digitais

O fato de a Suíça ter sido escolhida como domicílio do fundo não é coincidência. Mr. Bernegger acrescenta: “O termo ‘Crypto Valley’ rapidamente tem conquistado aceitação e demonstra a concentração e o crescimento de empresas e fundações de criptomoedas na região de Zug e Zurique. Também é importante mencionar que a Suíça, com sua boa reputação em gestão de ativos e regulamentação estável, já aceita moedas virtuais como classe de ativo. Além disso, as montanhas da Suíça oferecem armazéns seguros e testados para ativos digitais”.

Com o Fundo de Criptomoedas, o Crypto Fund AG, sediado em Zug, oferecerá um produto baseado em índices, rendimentos passivos, segundo o Swiss Collective Investment Schemes Act (KAG), que oferece acesso regulamentado a criptomoedas para investidores profissionais. O Índice de Criptomoedas é calculado por um provedor de índices bem conhecido e investe nas maiores moedas vistuais por capitalização e liquidez de mercado. Isso assegura um alto nível de diversificação que leva a uma volatilidade reduzida do fundo e, ao mesmo tempo, assegura a capacidade de se aproveitar do surgimento e da alta taxa de crescimento de novas criptomoedas.

Espera-se que o Fundo seja lançado no 4º trimestre de 2017. As discussões iniciais com a FINMA já foram realizadas.

Fonte: comunicado de impresa por startupticker.ch

Links

Compartilhar

Conteúdo relacionado